Parece difícil, mas não é!

Todo empresário, que trabalha com o marketing digital, sonha conseguir os visitantes em seu site sem pagar nada por isso.

Como a maioria ignora a possibilidade que o marketing digital, através do tráfego orgânico oferece para atrair os visitantes, o jeito é gastar com anúncios pagos para atrair as pessoas para o seu site.

E tudo que precisavam era de uma boa estratégia digital focada em aumentar o tráfego orgânico.

Mas o que é tráfego orgânico?

Tráfego orgânico são todas as visitas que você consegue no seu site sem gastar em anúncios como Google ads, instagram ads, facebook ads e Youtube ads.

É preciso saber a diferença entre o tráfego orgânico pago e os tipos de tráfego que seu site poderá ter.

Tráfego é toda visita que você recebe em seus canais digitais, sejam eles site, blog ou até mesmo apps e páginas nas redes sociais.

No tráfego pago você gasta dinheiro para ter resultados. Você paga para indicar seu site ou blog para as pessoas que utilizam os buscadores na web.

No tráfego orgânico, você pode receber visitas a qualquer hora, enquanto que, no tráfego pago, isso só acontece enquanto mantiver seu anúncio no ar.

Apesar do custo ser menor – paga-se apenas uma vez para ter resultados prolongados -, estratégias de aquisição de clientes sempre exigem investimento.

Saiba quais são as fontes de tráfego disponíveis

As fontes de tráfego indicam como o visitante chegou a cada página do seu site.

Entenda melhor sobre cada uma dessas fontes de tráfego:

1. Tráfego pago

Como previamente expliquei, tráfego pago é quando você investe em anúncios no Google, como links patrocinados e em outros sites para atrair visitantes.

2. Tráfego orgânico

Tráfego orgânico é quando chegam ao seu site sem que cliquem em um anúncio para isso.

Essa fonte de tráfego pode vir tanto do tráfego direto quanto do tráfego de referência e do tráfego social. Você vai entender melhor sobre cada um deles a seguir.

3. Tráfego direto

Tráfego direto é quando o visitante digita diretamente no browser (navegador) a URL do seu site.

Ou seja, quando ele não chega ao seu site a partir de outro.

4. Tráfego de referência

Tráfego de referência é quando um usuário clica em um link disponível em um outro site e é redirecionado para o seu.

É o que acontece quando você trabalha com estratégias como a criação de guest posts para aumentar backlinks, por exemplo.

5. Tráfego social

Como o nome dá a entender, o tráfego social é aquele que é gerado a partir das redes sociais.

Acontece quando você insere links para o seu site em seus posts e na própria bio do Instagram, por exemplo.

10 dicas de como gerar tráfego orgânico para seu site

profissional que trabalha em tráfico web

Com tudo o que vimos até aqui, você se convenceu de que precisa gerar tráfego orgânico para o seu site e assim melhorar a saúde digital do seu negócio?

Tenho 10 hacks para ajudar você a alavancar a geração de tráfego espontâneo. Confira!

1. Foque na sua persona

Entender quem é o seu público-alvo é muito mais eficiente do que se desesperar para colocar seu site na primeira página do Google.

O motivo?

Quem vai acessar seus conteúdos são pessoas.

Então, quando você conhece quem elas são, o que querem e quais suas intenções de busca, pode direcionar muito melhor o seu planejamento de marketing.

Quanto mais relevante o seu site for para elas, mais fácil vão encontrá-lo através do tráfego orgânico.

E quanto melhor for a experiência delas na página, maior será a tendência de voltar a visitá-la.

Perceba como uma coisa está relacionada à outra.

No fim das contas, preocupar-se mais em ser relevante para o Google do que para a sua persona pode ser um sintoma da chamada miopia de marketing.

2. Invista em SEO

SEO é a sigla para que Search Engine Optimization, ou otimização para mecanismos de busca.

É um conjunto de técnicas que ajudam o seu site a ser melhor posicionado em buscadores, como o Google.

Só de entender o significado de SEO já dá para imaginar o quanto isso ajuda a aumentar o tráfego orgânico do seu site, não é mesmo?

Textos otimizados, ao lado de conteúdos relevantes, formam a dobradinha perfeita para galgar posições rumo ao topo do Google.

3. Faça um estudo de palavras-chave

figura de chave formada por divrsas palavras

O seu plano de SEO começa por aqui.

Procure criar uma estratégia para as palavras-chave mais relevantes para o seu negócio.

E não deixe de usar ferramentas gratuitas, como a Ubersuggest, para facilitar a sua pesquisa.

Ah! Vale esclarecer, caso você tenha dúvida sobre as palavras-chave.

São elas que levam os usuários para o seu site.

É como eles fazem a pesquisa para chegar até ele.

Isto é, um resumo da intenção de busca em palavras.

4. Crie e faça títulos de sucesso

Escrever uma meta title e meta description com clareza, objetividade, criatividade e uma boa dose de persuasão tende a aumentar suas taxas de cliques.

Conhece técnicas de copywriting ou neuromarketing? Você também pode fazer uso delas para incentivar o usuário a acessar o seu site.

5. Crie conteúdo relevante

Já dei a dica antes ao falar sobre SEO, mas cabe a lembrança.

Conhece sua persona, já sabe o que ela está buscando, em que momento da jornada do cliente se encontra e como gerar valor para ela?

Então, você tem tudo o que precisa para criar conteúdos de alta relevância.

Conteúdo de qualidade é aquele que atrai, engaja, converte e fideliza. Pense nisso!

E não se esqueça também que o segredo para aumentar o tráfego orgânico é um só: foco no cliente.

Afinal, você está lidando com pessoas reais e não com números.

6. Faça estratégias em mídias sociais

Como é nas mídias sociais que os usuários passam a maior parte do tempo, é preciso aproveitar esses canais para conseguir tráfego orgânico.

Uma tendência que tenho visto muito é as pessoas trocarem até mesmo portais de notícias pelo feed do Facebook ou do Instagram.

Cada vez mais, usuários preferem descobrir conteúdos por essas redes. Então, sua marca também precisa aproveitar essa oportunidade.

Procure fazer posts com link para páginas específicas do seu site e que possam ser compartilhados facilmente.

Você verá o tráfego orgânico dar um salto, pode apostar.

7. Poste seus conteúdos em outras plataformas

Além de inserir links para o seu site nas redes sociais como, por exemplo, para divulgar conteúdos do seu blog, use também outras plataformas.

Tenha em mente que o fato de você levar essas oportunidades de leitura para os usuários facilita muito a vida deles.

Dessa maneira, eles podem encontrar o que precisam sem sair de dentro de seus canais digitais favoritos.

8. Faça diferentes tipos de conteúdo

Produzir conteúdos em diferentes formatos, como infográficos, podcasts e vídeos ajuda a aumentar o alcance e a impulsionar o tráfego orgânico para eles.

Também é uma forma de entender quais tipos de conteúdos são preferidos pelo seu público e, assim, produzir mais deles – e atrair mais cliques.

9. Gaste tanto tempo na promoção quanto na produção do conteúdo

Seu conteúdo precisa ser visto para que possa aumentar o tráfego orgânico para o seu site.

Portanto, evite publicá-lo em um lugar só.

10. Gere links externos para seu site

geração de links externos

Quando um site que tem alta autoridade perante o Google faz um link para o seu site, você conquista tráfego de referência.

Ou seja, tráfego orgânico.

Então, outra boa prática para aumentar o tráfego orgânico é levantar quais são os sites mais importantes para o seu público.

E, assim, se aproximar deles oferecendo conteúdos gratuitos.

É uma troca justa: você cede o texto, e ele publica no site dele com link para o seu.

Enquanto ele reduz o custo que teria ao contratar um redator para fazer isso, você gera link de autoridade para o seu site.

Quanto mais links externos relevantes tiver a página, melhor ela será vista pelo amigo Google em seus critérios de ranqueamento.

Aproveite para dar uma olhada no meu artigo sobre como conseguir backlinks.

Concluindo

Então, agora é com você!

Preparado para alavancar o número de visitantes do seu site sem gastar com anúncios pagos e obter os melhores resultados possíveis com isso?

É um processo que envolve o uso de várias técnicas, como você pode ver. Mas, o mais interessante de tudo é que, quanto mais você as utilizar, mais vai aprender.

Fique à vontade para expor a sua opinião nos comentários!

 

Quer saber mais como melhorar seu posicionamento na internet?

Share
This

Post a comment